Destaques

Onde vão morrer os satélites mais antigos?

Há milhares de satélites em órbita da Terra. Mas, tal como sucede com todas as outras coisas, os satélites não são eternos. Têm uma quantidade limitada de combustível, e as difíceis condições que enfrentam no espaço desgastam-nos e estragam-nos. Quando deixam de estar em condições de funcionar, têm que ser…
Continue a ler »
Destaques

Cientistas descobrem onda gigante no enxame galáctico de Perseu

Combinando dados do Observatório Chandra de Raios-X da NASA com observações de rádio e simulações de computador, uma equipa internacional de cientistas descobriu uma enorme onda de gás quente no enxame de galáxias de Perseu. Abrangendo cerca de 200 mil anos-luz, a onda tem cerca de duas vezes o tamanho…
Continue a ler »
Destaques

Oceanos em abundância: novo estudo sugere que a maioria dos planetas habitáveis têm pouca terra seca

Quando partirmos para a exploração de exoplanetas, talvez seja uma boa ideia levarmos equipamento de mergulho. Um novo estudo, publicado na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, usou um modelo estatístico para prever que a maioria dos planetas habitáveis poderão ser dominados por oceanos abrangendo mais de 90%…
Continue a ler »
Destaques

Investigadores captam a primeira “imagem” de uma teia de matéria escura a ligar galáxias

Investigadores da Universidade de Waterloo conseguiram a primeira imagem composta de uma ponte de matéria escura a ligar galáxias. A imagem composta, que combina várias imagens individuais, confirma a previsão de que, em todo o Universo, as galáxias estão unidas por uma teia cósmica de matéria escura que até agora…
Continue a ler »
Destaques

Grande Mancha Fria descoberta em Júpiter

Astrónomos da Universidade de Leicester descobriram uma segunda Grande Mancha em Júpiter, rivalizando em escala com a famosa Grande Mancha Vermelha e criada pelas poderosas energias exercidas pelas auroras polares do grande planeta. A “Grande Mancha Fria”, como foi chamada, foi observada como uma mancha escura localizada, extendendo-se por cerca de…
Continue a ler »
Destaques

Explosões rápidas de rádio vêm realmente do espaço exterior

Uma estudante de doutoramento do CAASTRO (Centre of Excellence for All-sky Astrophysics), na Austrália, resolveu, com a ajuda de um radiotelescópio que ela própria ajudou a renovar, uma das mais acesas questões em astronomia. Manisha Caleb, estudante da Universidade Nacional da Austrália e a trabalhar na Universidade de Tecnologia de…
Continue a ler »